‘FOI A MAÇANETA DA PORTA’ SAIBA POR QUE AS FAMOSAS ESTÃO POSTANDO ISSO

“Foi a maçaneta da porta”, “Foi a torneira do chuveiro”, “Foi a quina da mesa”. Você sabe o que essas publicações têm em comum? Fora que todos foram postadas por famosas. Todas essas postagens têm uma real intenção e todas estão conectadas uma com a outra.

Veja as publicações das famosas em suas paginas do Facebook:

Foi a maçaneta da porta.

Posted by Bela Gil on Segunda, 24 de agosto de 2015

Foi a torneira do chuveiro.

Posted by Preta Gil on Segunda, 24 de agosto de 2015

Foi a quina da mesa

Posted by Marjorie Estiano on Segunda, 24 de agosto de 2015

Foi a quina da mesa.

Posted by Luiza Possi on Segunda, 24 de agosto de 2015

Foi a maçaneta da porta.

Posted by Deborah Secco on Segunda, 24 de agosto de 2015

As pessoas ficaram todas sem entender nada e teve curiosidade e ao clicar no histórico de edição do post. O que apareceu foi essa mensagem:

Foi a maçaneta da porta.

Desde a última segunda-feira (24), cada vez mais mulheres estão aderindo a campanha intitulada como “Curiosidade Salva”, que alerta sobre a violência domestica.

O objetivo é incentivar as pessoas a denunciarem caso de suspeitas de qualquer evidencia do crime, já que muitas mulheres agredidas não têm coragem de fazer.

Violência Doméstica

Violência doméstica é o ato explícito ou velado, literalmente praticada dentro de casa ou no âmbito familiar, entre indivíduos unidos por parentesco civil ou natural. A violência inclui muitas práticas, como a violência e o abuso sexual contra as crianças, maus-tratos contra idosos, e violência contra a mulher ou contra o homem, além da violência sexual contra o parceiro.

Não há como discutir gêneros em relação há violência doméstica. As maiores porcentagens dos agredidos são de gênero feminino. Hoje o movimento feminista luta para eliminar esse tipo de violência. O primeiro abrigo para mulheres violentadas foi fundado por Erin Pazzy, em Londres, Inglaterra. Isso aconteceu na década de 1960.

Vale lembrar que existem homens vítimas de violência doméstica em função de encontrar uma sociedade sexista, que acabam que não denunciando o crime que sofreram. Tanto por vergonha, quanto pelo fato de que a sociedade e as autoridades são pouco auxílio para homens vitimas de tal crime. A situação de violência doméstica contra homens pode chegar até mesmo aos extremos de graves mutilações ou homicídio onde a vítima ao menos é ouvida.


Você também pode gostar ...