Como dizer que o filho é adotado


Muitos pais por vários motivos acabam adotando uma ou mais crianças, e antes da adoção é preciso se preparar para receber a nova criança que está entrando na casa e saber como terá que lidar com as dúvidas dela.

A maior questão que muitos pais abordam com psicólogos na gora de adotar é como e quando falar para os filhos que eles são adotados e de acordo com especialistas esta notícia deve ser dada pelos pais.

Manter uma adoção em sigilo é algo que faz com que os pais sofram podendo dar chances á criança de descobrir através de outras pessoas e com certeza se isso acontecer será muito pior, pois para que ela descubra já estará com uma idade mais avançada e o ideal é que o filho adotado saiba ainda quando criança.

Isso porque desde quando criança ela pode crescer e se adequar á situação de ser uma criança adotada, é por isso que muitos pais optam por adotar crianças ainda quando bebês, pois a aceitação e convivência é mais fácil.

Porém dependendo da personalidade da criança mesmo que ela seja maior irá aceitar super bem a idéia de que é uma pessoa adotada, mas que tem todo o carinho dos seus novos pais. O que não pode acontecer em uma adoção é o destrato de filhos adotados junto com filhos biológicos.

Como dito as crianças reagem de maneiras diferentes, algumas podem acreditar que foram adotadas porque eram más com os seus pais biológicos, outras podem achar que foram seqüestradas, mas tudo irá depender da maturidade da criança.

É normal que um adolescente que saiba que é adotado tenha a curiosidade de conhecer os seus pais biológicos, mas muitas vezes isso não é possível, pois os pais moram muito longe e até muitas vezes não estão mais vivos.

A criança adotada pode desenvolver problemas emocionais e até mesmo comportamentais que estão relacionados ao assunto de ter sido adotado, um psicólogo e até mesmo um psiquiatra podem ajudar os pais e também as crianças á lidar com essa situação.