Dicas que acabam com a prisão de ventre

Está desempregado?
Marketing por

240214-prisao-de-ventre-o-que-fazerA prisão de ventre atinge muitas pessoas, principalmente as mulheres que sofrem mais desse mal do que os homens, a prisão de ventre deixar o corpo inchado, além de deixar a pessoa sem disposição, sem animo e com dores.

95% da serotonina que precisamos é produzida na cavidade abdominal, a serotonina é responsável pelo nosso bem estar, ou seja, se o nosso intestino não tá bom nós também não ficaremos tão bons, por isso é sempre importante manter o funcionamento do intestino em ordem, confira dicas para ajudar nesse problema.

Cuidado com os laxantes

O uso desses remédios pode causar dependência além de danificar o seu estomago, é importante que você consulte sempre um médico antes de começar a usar qualquer laxante que seja e não compre apenas com a orientação dos atendentes de farmácia.

Repare no seu ritmo

Cada pessoa tem um ritmo diferente, tem aquelas que vão uma vez por dia no banheiro e outra que vão duas, depende do organismo, agora se você for ao banheiro menos de três vezes por semana é melhor se cuidar pois já sinal de que o intestino não está funcionando direito.

Vergonha

As mulheres são as que mais sofrem com isso já que somos educadas desde pequena a não ir a banheiros que não seja o da nossa casa, essa “vergonha” de ir a outros lugares faz com que o intestino fique preso já que ficamos segurando até a vontade sumir.

Alimentação

Coma alimentos que faz bem para o intestino, eles vão ser os “laxantesfibras naturais”, coma mamão, abacaxi, ameixa, fibras e entre outros, evite alimentos que prendem o intestino como, por exemplo, maçã com casca ou banana.

Tome muita água, só comer e não tomar água não vai adiantar, se quiser tomar sucos tome com o bagaço da fruta que é melhor.

 Exercícios

A prática de exercícios físicos ajuda muito a fazer o intestino funcionar, só de caminhar durante 30 minutos por dia já é ótimo, exercícios abdominais também são recomendados.

Está desempregado?
Marketing por