Diferença de AVC isquêmico e hemorrágico

Está desempregado?
Marketing por

O AVC é conhecido popularmente como derrame, é o Acidente Vascular Cerebral, que também pode ser chamado de AVE (acidente vascular encefálico). É a maior causa de internações e morte no Brasil, ele acontece quando uma área do cérebro não recebe a quantidade de sangue suficiente fazendo com que esta área deixe de exercer as suas tarefas.

Mas não é só isso, existem dois tipos de AVC, o isquêmico e o hemorrágico. Quando ocorre um entupimento no vaso sanguíneo do cérebro e uma parte dele deixa de receber sangue, é chamado de AVC isquêmico, a falta de sangue faz com que falte nutrientes também, levando á morte das células deste local. Este tipo de AVC corresponde á 80% dos casos.

Já o hemorrágico, acontece quando há um vazamento de sangue causado por um rasgo em um dos vasos do cérebro, esta hemorragia pode acontecer em qualquer região do cérebro. Os casos deste tipo de AVC na maioria deles acontecem na região interna do cérebro.

O cérebro é um órgão muito frágil por isso qualquer falta de nutriente, oxigênio ou escape de sangue nele pode causar sérios problemas. Quando a pessoa tem um AVC ela sente:

• Dor muito forte de cabeça, que pode ocorrer vômito
• Tonturas
• Perda de visão ou dificuldade em enxergar que ocorre derrepente e sem explicação
• Dificuldade para falar e de ser compreendido
• Fraqueza muscular no rosto ou até mesmo paralisia no rosto ou pernas
• Normalmente sintomas apenas de um lado do corpo.

Sentimos apenas um lado do corpo porque a região afetada é a que está do lado oposto do nosso corpo, ou seja, se o derrame aconteceu do lado direito, apenas o seu lado esquerdo irá sentir os sintomas, isso porque o lado direito do nosso cérebro comanda mais o lado esquerdo do corpo, e o lado esquerdo do cérebro comanda o lado direito do corpo.

Mas o que causa isso? Existem vários fatores, como: Hipertensão arterial, doença cardíaca, fibrilação arterial, diabete, tabagismo, hiperlipidemia, estresse, pílula anticoncepcional, álcool e outras doenças que afetam a coagulação do sangue.

O importante é prevenir, primeiramente você precisa prevenir, se você possui algumas das doenças acima é preciso que você previna que o quadro desta doença evolua, sendo assim, sempre tome os seus medicamentos corretamente e siga todas as instruções do médico.

Acompanhamento com um médico neurologista também é importante. Mas depois de instalado o AVC será preciso ir até um hospital para que seja diagnosticado a magnitude do acidente e que área este afetou, para que assim possa ser passado um tratamento.

Na maioria dos casos há um acompanhamento de uma equipe multidisciplinar, ou seja, médicos, fisioterapeutas e psicólogos, pois em alguns casos a pessoa pode até mesmo perder os movimentos de um lado do corpo.

Por isso leve sempre uma vida tranqüila, se alimentando bem, fazendo atividades físicas, sem estresse, tendo dias de laser e cuidando das doenças que você já tem.

Está desempregado?
Marketing por