Exercícios para hipertensos


A Hipertensão Arterial é conhecida popularmente como pressão alta, esta é uma doença muito comum em nosso país e no mundo moderno. Esta é causada por hereditariedade, obesidade, sedentarismo, alcoolismo, estresse e fumo.

A incidência de pessoas hipertensas aumente com a idade, mas pode aparecer em jovens também. As pessoas negras correm mais o risco de desenvolver doenças do coração, principalmente a hipertensão.

É considerada hipertensa uma pessoa que possua pressão arterial acima de 140 por 90 mmHg (14 por 9) durante seguidos exames, isso significa que uma única medida de pressão não é suficiente para diagnosticar a pressão alta.

A pressão elevada por provocar diversas alterações no coração e nos vasos sanguíneos, podendo ocorrer hipertrofia do ventrículo esquerdo, Acidente Vascular Encefálico, infarto do miocárdio, morte súbita, insuficiências renal e cardíaca, dentre muitas outras complicações.

Por isso é muito importante que você cuide sempre da sua saúde e faça regularmente atividades físicas, para que você possa controlar o seu peso, porém não se esqueça de consultar o seu médico antes, para que este possa avaliar se você pode ou não fazer a atividade física que você escolheu, pois algumas são contra indicadas.

Após o aval do médico você precisará fazer uma avaliação física com um profissional, para que ele avalie e faça testes de esforço físico, para depois disso você começar a fazer a atividade.

Os exercícios mais indicados para os hipertensos são os aeróbios como a caminhada e a pedalada, estes precisam ser em intensidade leve, para não aumentar ainda mais a pressão. Estas atividades ajudam a queimar gordurinhas e ainda ajudam no controle e manutenção da pressão normal.

O ideal é praticar no mínimo 20 minutos de exercícios aeróbios diários, para que você possa ter resultados, assim aos poucos será possível você aumentar a quantidade dos exercícios, como uma corrida leve ou até mesmo 1 hora por dia, mas é preciso muita dedicação.

A natação e a musculação também podem ser praticadas, estas são responsáveis por queda da pressão arterial, aumentam o metabolismo e fortalecem a musculatura.

Mas tudo tem um porém, é preciso que você afira a pressão arterial antes da atividade, durante e após cada treinamento. Se ela estiver muito alta, acima de 180 por 110 mmHg (18 por 11), será preciso que você suspenda os exercícios, e se por um acaso você se esqueceu de tomar os medicamentos também não poderá praticar atividade física.