Home / Curiosidade / HÁ MAIS CHANCE DE TER CÂNCER BEIJANDO DO QUE FUMANDO

HÁ MAIS CHANCE DE TER CÂNCER BEIJANDO DO QUE FUMANDO

Segundo Dr. Mahiban Thomas, beijar pode trazer muito mais chances de ter câncer do que o consumo de bebidas ou cigarros. O chefe do setor de Cirurgias Maxilofaciais, de Cabeça e de Pescoço do Hospital Royal Darwin, na Austrália, afirma que chegou a essa conclusão depois de perceber o aumento no número de seus pacientes na área de oncologia em relação a doenças sexualmente transmissíveis.

De acordo com o mesmo, o “tsunami” de registros que começaram a ser relatadas no hospital pode ser indicado como algo que acontece no mundo todo.

beijar dar cancer

O HPV possui muitas variantes e aproximadamente 15 delas são cancerígenas, apesar de existir pessoas contaminadas com essas variedades que não desenvolveram o câncer. Quem beija pessoas diferentes ou têm relações sexuais orais com frequência têm mais chances de contrair o HPV, que é transmitido via oral ou genital.

Beijar Dá Câncer

Porém, pesquisas recentes mostram que o vírus ainda pode ser transmitido pela pele durante carícias sexuais, apesar de não saber como isso ocorre.

Os tipos de câncer mais associados ao papiloma são cervical (colo do útero), de boca e garganta, sendo que os dois últimos são relacionados ao fumo e ingestão de bebidas alcoólicas.

cancer

No entanto, pesquisa realizada em Londres mostrou que 40% dos carcinomas orais são ligados a infecção por HPV. Nos Estados Unidos, 70% dos cânceres de orofaringe, são relacionados a uma estirpe específica da DST.

beijar da cancer

A região norte da Austrália, onde fica o hospital de Dr. Thomas, registra mais casos de câncer de cabeça e pescoço do que qualquer outra região do país. Homens heterossexuais que praticam sexo oral com frequência em diferentes mulheres têm mais chances de contrair o vírus, pois, esse é contato é mais facialmente pela vulva do que pelo pênis ou pela boca.

Veja Também

VOCÊ SABE QUAL É A FUNÇÃO DO LACRE DA BOLACHINHA

Depois que vemos fica óbvio, mas até então nunca me toquei que era pra isso...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *