Milium Na Pele Saiba Como Tratar


Todo mundo deseja ter uma pele bonita e saudável. No entanto, essa não é uma das tarefas mais fáceis que existe. Muitas pessoas sofrem com problemas hormonais que acabam deixando a pele (especialmente do rosto) danificada e é sobre isso que nós vamos falar hoje. Saberemos a partir de agora tudo sobre Milium Na Pele. Confiram.

Milium Na Pele

Você sabe o que é o Milium que afeta a pele das pessoas? Para quem ainda não conhece o Milium é uma das lesões cutâneas que causam muitos transtornos estéticos, pois surge especialmente na pele do rosto.

milanium

Você já teve bolinhas bancas na pele? Elas se parecem com bolhas de água bem pequenas. Em caso afirmativo é bem provável que você tenha ficado assustado com a sua aparência.

Essas bolinhas brancas geralmente se agrupam em uma única área, especialmente na região dos olhos. Esteticamente falando essas lesões tratam-se de cistos que são preenchidos por queratina, e são completamente diferentes de cravos.

Fatores de Risco

Não se sabe exatamente o porquê esse problema aparece, mas estima-se que ele seja desencadeado por uma possível descamação cutânea, o excesso de oleosidade é outro fator de risco que pode desencadear o Milium.

milium em bebes

Em ambas as hipóteses mencionadas acima há uma obstrução dos poros da pele, o que resulta no aparecimento das bolinhas brancas. Esse problema pode ser caracterizado em dois estágios, um mais agressivo e o outro menos agressivo, sendo eles.

Milium Primário

Esse primeiro estádio do problema é muito frequente em bebês e costuma ir diminuindo com o tempo, ela geralmente aparece porque a pele está em formação, ou descamação. Nesse caso não é necessário nenhum tratamento, pois o problema tende a desaparecer após algumas semanas.

Milium Secundário

Já esse segundo estágio do problema afeta as pessoas mais velhas e pode aparecer em qualquer tipo de pele. O local mais comum para o seu aparecimento é ao redor do olhos.

Principais sintomas do Milium

Essas lesões da pele não coçam, não doem e nem ardem. O seu incômodo é puramente estético. O diagnóstico não pode ser feito com base nos sintomas, por isso ele é feito com base apenas nos sinais.

milium

Pessoas que sofrem com esse problema necessariamente tem essas bolinhas brancas espalhadas pelo rosto. Elas podem até parecem bolinhas de água, no entanto não são. Por isso não coce, nem tente furá-la ou espreme-la como se faz com cravos e espinhas.

Tratamento para Milium

Para solucionar de vez o problema a pessoa deve procurar o auxílio de um dermatologista. Ao contrário da acne o Milium fica bem infiltrado na pele e é muito difícil de ele ser eliminado.

tratamento-milium

Tentativas inúteis de espremer as bolinhas para tirá-las pode agravar ainda mais o problema e causar sérias complicações como inflamações severas.

Tipos de Tratamentos

Existem dois tipos de tratamentos mais indicados, um deles é o químico, que envolve a aplicação de ácidos que removem as imperfeições e ainda melhoram o aspecto da pele.

A segundo opção de tratamento é baseada na intervenção estética que envolve o uso de agulhas esterilizadas que retiram todas as bolinhas, seu efeito é imediato.