O que é laqueadura e tem reversão?


A laqueadura é feita nas mulheres, é feito uma ligadura nas trompas, por onde passa os óvulos que saem dos ovários e vão em direção ao útero. Nesta cirurgia as trompas são cortadas e as suas extremidades são amarradas ou então por meio de um clips ou cauterização (queimadura) a passagem é bloqueada.

Na verdade a laqueadura não significa que a mulher não vai poder mais engravidar, mesmo que ela esteja operada será possível que a mulher engravide através da reprodução assistida, assim os resultados são mais positivos do que fazer a reversão da cirurgia das trompas.

O Brasil é o campeão em fazer estas cirurgias, isso representa 40% das mulheres em idade reprodutiva estão esterilizadas. Porém esta cirurgia não tem muito sucesso quando é preciso fazer a reversão.

A cirurgia pode ser feita de várias formas, umas delas é a laparoscopia que é apenas um pequeno corte abdominal em volta do umbigo, assim uma microcâmera é introduzida na mulher e esta auxilia na cirurgia. A outra opção é a isteroscopia, este método vai pode dentro do útero até chegar às trompas.

A laqueadura pode ser feita até 12 horas após o parto, por isso muitas mulheres optam por fazer esta cirurgia quando têm o segundo ou o terceiro filhos, lembrando que é muito mais freqüente as mulheres fazendo este tipo de cirurgia do que os homens fazendo vasectomia, lembrando também que a vasectomia é bem menos invasiva e quase indolor para o homem.

A mulher precisa ter certeza de que ela não vai querer engravidar mais, isso porque esta técnica é considerada definitiva, salvando as que poderão fazer reprodução assistida. Mas a vantagem é que a mulher não precisará tomar mais contraceptivos, apenas o preservativo para prevenir doenças, mas a gravidez será algo que não acontecerá mais na vida da mulher.

É muito importante que esta questão seja discutida com o companheiro, pois é uma decisão definitiva, por isso se você não tem certeza se você vai ou não querer ter filhos novamente opte por colocar um DIU que poderá ser provisório, mas lembre-se que se você decidir realmente fazer a laqueadura posteriormente será processo cirúrgico, e isso irá envolver internação, antibióticos e antiinflamatórios.

Por isso pense bem sobre fazer ou não a laqueadura uma vez que esta é considerada irreversível.